REGISTROS FOTOGRÁFICOS

.

.
.

29 de mai de 2017

Paulo Câmara decreta estado de calamidade em 13 municípios da Mata Sul

O governador Paulo Câmara anunciou na tarde deste domingo (28) uma série de medidas em virtude das fortes chuvas que caem no Estado nas últimas 48 horas. A principal delas é a decretação de estado de calamidade nos 13 municípios da Mata Sul: Amaraji, Água Preta, Barra de Guabiraba, Belém de Maria, Catende, Cortes, Jaqueira, Maraial, Palmares, Ribeirão, Rio Formoso, São Benedito, e Barreiros.

"Desde sexta-feira fomos alertados pela Apac sobre o início dessas chuvas e que elas poderiam ter os efeitos que infelizmente estão se concretizando", disse Paulo.

"Para terem ideia da gravidade dessas chuvas, aquela de 2010 que trouxe tanta destruição nas cidades da Mata Sul, elas em três dias corresponderam a 180 mm. Essa que se iniciou na sexta-feira em dois dias já atingiu 140 mm", ressaltou.

Foi ainda ressaltada a importância da barragem Serro Azul, que evitou um cenário pior.

"Evidentemente que muito ainda precisa ser feito para a resolução dessas questões, mas o esforço de conclusão de Serro Azul já mostra alguns efeitos. Com o trabalho feito a partir de 2010, temos hoje a preservação de casas, escolas, hospitais, que já foram devidamente construídos em locais adequados para evitar ações de destruição como vimos em 2010", destacou.

Veja as medidas anunciadas pelo governador Paulo Câmara:

1. Instalação de Gabinete de Crise Central, no Palácio do Campo das Princesas

2. Emissão regular de alertas de chuvas e variação dos níveis dos rios

3. Deslocamento de 2 aeronaves sobrevoando às áreas atingidas

4. Convocação de todo o efetivo do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e PM para força tarefa nos municípios atingidos

5. Deslocamento de 3 equipes de saúde para a Mata Sul

6. Disponibilização de prédios para servir de abrigos

7. Ativação de escritórios do governo nos municípios atingidos, com efetivos da Defesa Civil, Bombeiros e Secretarias Estaduais

8. Publicação de Decreto de Calamidade nos municípios atingidos

9. Envio de Colchões, lençóis, cobertores, travesseiros, fronhas e lonas plásticas

10. Levantamento da situação dos acessos e estradas, através de equipes de engenheiros do DER e Sechab.
 
Com informações da Folha PE
Foto: Arthur de Souza
Hugo Viana
 






Nenhum comentário:

Postar um comentário