REGISTROS FOTOGRÁFICOS

.

.
.

21 de ago de 2016

Colunista Etany Cristina fala sobre "Elo Emocional"

ELO EMOCIONAL
Tenha paciência comigo...
Tudo é tão difícil...
O mundo é tão grande e
Sou tão pequenino.
Há tanta coisa que não entendo,
Tanta coisa que me assusta...
Ás vezes quero parecer forte,
Grito muito, atrapalho os outros...
Faço barulho demais porque tenho
Medo de que se esqueçam de mim.
Quero ser bom, ter afeição a todos e
Nem sempre sei se consigo isso
É nessa ocasião que mais
Preciso do seu amor...
Preciso ter certeza de que ocupo lugar
Importante no seu coração.
Mas não sei dizer tudo isso, e assim,
Acabo fazendo tudo exatamente o contrário.
Lutando pelo amor, quantas vezes
Faço você zangar-se comigo!
Procure compreender-me e
Ajude-me a crescer em paz.
(Autor desconhecido) 
 
 
O “ nascimento psíquico”, na maioria das vezes, ocorre dentro do ambiente familiar. Independente do nível econômico da família, um lar organizado influencia nas aprendizagens futuras da criança. Fica em desvantagem a criança cujo lar seja debilitado, não apenas no que diz à estrutura psicológica, mas em relação à aprendizagem escolar principalmente.

“A Lei de Diretrizes e Bases(9394/96) Art.29, diz que: “A educação infantil é complementar à ação da família e visa o desenvolvimento integral da criança até os seis anos de idade”.

O “ elo emocional” é um fator importante, pois as opiniões dos pais são respeitadas. Essa aproximação garante um envolvimento maior entre ambos, e, com isso a criança se sente mais segura e confiante. No ambiente familiar, a criança aprende a administrar e resolver conflitos, a controlar as emoções, a expressar os diferentes sentimentos que constituem as relações interpessoais a lidar com as diversidades e adversidades da vida.

Os lados afetivos formados dentro da família, particularmente entre pais e filhos, podem ser aspectos desencadeadores de um desenvolvimento saudável e de padrões de interação positivas que possibilitam o ajustamento do indivíduo aos diferentes ambientes de que participa. O apoio em nível cognitivo, emocional e social, permite à criança desenvolver repertórios saudáveis para enfrentar as situações cotidianas.


Etany Cristina Lopes de Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário